Fachadas: dicas importantes para melhorar o visual

A fachada de um ponto de venda é o primeiro contato que o cliente tem com o espaço físico!  É importante que ela auxilie o consumidor a, identificar o segmento de atuação e suas principais características, como: o que vende, qual a faixa de preço, a que público se destina e, principalmente, se o local atenderá ou não aos seus desejos. 

Fachada Riachuelo Rua Oscar Freire – SP – Imagem: Fonte 
Para causar um impacto positivo é necessário que a fachada esteja coerente com a marca e com o perfil do consumidor, além de ser harmoniosa e convidativa! Pensando nisso, preparamos dicas importantes sobre cada elemento da fachada! Confira: 

Arquitetura


Arquitetura criativa! Revestimentos coloridos atraem a atenção! Imagens: Fonte 
Fachada da loja da Havaianas da Oscar Freire, em São Paulo. Imagem: Fonte 
Acessibilidade


Imagem: Fonte
Vitrines


Imagem: Divulgação
Para despertar o desejo nos consumidores, as vitrines precisam ser renovadas periodicamente. Além disso, é necessário manter a harmonia entre os elementos como: cores, texturas, disposição dos produtos, iluminação e expositores. Os produtos devem estar em bom estado de conservação e expostos de forma atrativa. É necessário que os preços dos produtos estejam facilmente visíveis. 

Materiais e acabamento


Outra dica é utilizar, em lojas de rua, revestimentos laváveis e anti-pixações! As opções são diversas, desde pintura, cerâmica, pedras naturais às placas metálicas. 

Fachadas com diferentes texturas, cores e acabamentos! Imagem: Fonte 
Iluminação


Em fachadas de lojas de rua,  é indicada a utilização de um tipo de luz que permita, de imediato, o reconhecimento da empresa pelo público. Um bom exemplo é a fachada da loja Snog, que pode ser identificada facilmente durante o dia e a noite! 

Fachada da loja Snog! Imagem: Fonte 
Alguns fatores que interferem na iluminação das fachadas e devem ser observados são:

  • Reflexos - É interessante que os focos de luz incidam diretamente nas paredes da construção e não nos vidros da vitrine, evitando reflexos indesejáveis.
  • Contraste – É importante diferenciar a luz das vitrines das luzes da rua.
  • Concorrência – Para destacar, é preciso escolher uma iluminação que diferencie o estabelecimento dos a demais.

Fachadas das lojas Louis Vuitton! Todas com uma comunicação semelhante. Imagens: Divulgação

Paisagismo


Quando não pode ser aplicado à fachada, o paisagismo pode ser planejado para a vitrine. Foi o caso da loja da marca Hermès, cuja cenografia da vitrine foi criada com material orgânico, com animais feitos de grama e flores que dividem o espaço com peças luxuosas da grife.

Imagem: Fonte 
Exemplos de fachadas com interferência do paisagismo! Imagem: Divulgação
Comunicação


Dica importante: é necessário consultar o Código de Postura de cada município e se atentar ao padrão de dimensão das placas e seu posicionamento!

Imagens: Divulgação
Além de se atentar a todos esses requisitos, é preciso que a fachada esteja sempre em bom estado de conservação, refletindo assim uma boa imagem da marca.

Todos esses cuidados são essenciais para o fortalecimento da marca, proporcionando assim a fidelização e a conquista de clientes.

Gostou das dicas? Precisa de ajuda para executar as ideias? Entre em contato conosco: vies@viesdesign.com.br

0 comentários:

Copyright © 2014 Viés Design and edited by De duas,uma.